27 de maio de 2011

Surpresa

E eu vi algo lindo vindo em minha direção, no começo não sabia o que era. Meu corpo tremeu e fiquei com medo, pedia Deus que não fosse algo ruim. Mas, aos poucos senti meu coração disparar no compasso de seus passos, não sabia se poderia ficar parada somente esperei que você não desistisse de mim. E ao balanço de seu corpo vi algo brilhar em seu rosto, então já não sabia se era seu sorriso ou seu olhar, tive vontade de correr para qualquer lugar, mas não saberia jamais quem estava a me encontrar. Então foi chegando mais perto, e já não dava para esperar, mas algo me pedia para ter paciência que um presente estava por vim. Aos poucos ouvia as flores se mexerem e então senti uma lágrima escorrer pelo meu rosto, queimava e não a escondeu em meus lábios. Um silêncio estalou no campo, não ouvia mas nada, e meus olhos apertavam-se feito cordas.Ouvi meu coração estava calmo e dançante,sua mão quente segurou meus braços e seus lábios em minhas bochechas que pareciam queimar.E então aos,sussurros,seu sorriso despertou um amor que com as mãos segurei seus cabelos,e te beijei naquela escuridão onde só seus lábios brilhavam.Tu és um presente coberto de amor,um favo de mel no meio do jardim.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores